Whippet

0 Comments

Os animais desta raça pertencem ao grupo dos cães lebréis.

País de origem: Grã-Bretanha. 

O peso do Whippet é de aproximadamente 10 Kg. O tamanho nos machos é entre 45 a 50 cm e nas fêmeas de 44 a 47 cm.

O Whippet, também conhecido como Galgo Anão, apresenta cabeça com crânio longo, achatado entre as orelhas, afilando-se em direção ao focinho. <!–more–>As orelhas são consideradas pequenas, de textura fina, com formato de rosa. Possui olhos ovais, com forte expressividade sobre os mesmos. Observa-se seu corpo inscrito dentro de um quadrado, com tórax largo e firme, com caixa torácica bem profunda, costelas bem arqueadas, região lombar nitidamente curvada e abdome erguido. Seu pescoço é longo, musculoso, apresentando uma elegante curvatura. Apresenta membros com musculatura bem definida, sendo que os anteriores encontram-se retos e aprumados. Possui almofadas plantares bem espessas. A cauda é longa, afinada, sem franjas, sempre mantida abaixo da linha do dorso. O pêlo destes animais é curto, fino e cerrado, sendo que todas as cores ou combinações destas são permitidas.


Esta raça se originou na Inglaterra, por volta 1900, quando se desejou substituir o Fox Terrier, o qual até então era utilizado como caçador de lebres. Os Whippets advém de diversos cruzamentos entre diferentes Terriers, o Pequeno Galgo Italiano e o Greyhound. Antigamente eram denominados “snap-dog” (cão-salto) pela forma com que abatiam a lebre, atirando-se sobre ela subitamente.

O seu nome seria devido à expressão “whip up”, que significa chicotada ou “whip it”, que é rápido como relâmpago. Está entre os animais mais velozes do mundo devido a sua enorme força propulsora, podendo atingir velocidades de até 65 Km/h e por este motivo, ainda nos dias de hoje, é empregado como cão de corrida na Inglaterra.


O Whippet é limpo, sem odor, de pêlo curtíssimo que dispensa tratamentos especiais. É inteligente, vivo, dócil, não mordedor, mais tímido do que agressivo. Apesar de seu aspecto delicado, o Whippet é extremamente robusto, resistente e dificilmente adoece.

É afetuoso, terno, calmo, silencioso, um companheiro encantador. Gosta de crianças e vive muito bem em apartamentos, onde freqüentemente gosta de dormir na cama do dono.

Teme a solidão e não é considerado é um cão de guarda. Apesar da facilidade com que se adapta aos centros urbanos, adora galopar em liberdade nos campos e jardins, por isso necessita de exercícios físicos para manter seu equilíbrio.

Deixe uma resposta

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese