Venenos

0 Comments

Ingestão de venenos em geral:

Os caninos são mais susceptíveis a envenenarem-se do que os felinos, pois os gatos aparentemente são mais prudentes com o que comem.

Entretanto, todos podem estar sujeitos a se intoxicar dependendo do porte do animal, do tipo do veneno e da quantidade ingerida, teremos a gravidade do caso.

Alguns produtos podem provocar efeitos desagradáveis temporariamente, outros podem ser fatais após sua ingestão num curto período de tempo, caso o animal não seja socorrido.

Como medidas gerais faça o seguinte:

– Verifique se as vias respiratórias estão desimpedidas

– Se o veneno ingerido nas últimas 2hs não foi um produto alcalino, ácido ou derivado de petróleo provoque vômito dando sal grosso ou Água Oxigenada 10V (2,5ml a 5,0ml a cada 15 minutos), até que ocorra o vômito. Não esqueça, somente dê algo oral se o animal estiver consciente.

– Dê carvão ativado em água, produto este encontrado em farmácia, não é o carvão de uso domiciliar.

– Procure um veterinário urgentemente.

Caso o veneno seja proveniente de um produto ácido, alcalino ou derivado de petróleo, faça o seguinte:

– Se o veneno for ácido, dê clara de ovo, bicarbonato de sódio, carvão ativado ou azeite de oliva.

– Se o veneno for alcalino, dê clara de ovo ou pequenas quantidades de suco de frutas cítricas ou de vinagre diluído.

– Procure um veterinário urgentemente.

Sintomas produzidos por Inseticidas à base de Carbamatos:  

Agitação, contrações, salivação, convulsões e coma.

Sintomas produzidos por Inseticidas à base de Organofosforados: 

Fraqueza dos membros posteriores, dificuldade respiratória, tremores musculares, salivação e aumento na produção de urina e fezes.

– Em ambos os casos, caso o animal esteja consciente, provoque o vômito e dê carvão ativado.

– Procure um veterinário urgentemente.

Raticidas:

Há vários tipos de raticidas e todos eles são altamente tóxicos. Os raticidas mais comuns são aqueles que produzem hemorragia interna (anticoagulantes). Geralmente na embalagem contêm especificações com relação ao tipo de produto. O animal pode se intoxicar ingerindo a própria isca ou comento o rato envenenado.

Os sintomas principais produzidos pelos raticidas são os seguintes:  

Vômitos, letargia, tremores musculares, anemia, sinais de hemorragia interna, gengivas pálidas e feridas na pele.

Em caso de envenenamento com raticidas faça o seguinte:

– Se o animal acabou de ingerir o veneno provoque vômito e dê carvão ativado. Procure um veterinário urgentemente.

– Se o animal começar a apresentar sinais de envenenamento mais graves não perca tempo, procure um veterinário rapidamente e leve, se possível, a embalagem do raticida.

Outros venenos comuns que podem ser ingeridos:

Sintomas produzidos por estricnina: 

Produz tensão e rigidez quando se produz barulho ou se toca no animal.

Em caso de envenenamento com estricnina faça o seguinte: 

– Se o animal estiver consciente dê imediatamente carvão ativado e procure um veterinário urgente.

Sedativos, Drogas Anti-depressivas e Ansiolíticos:

São medicamentos controlados e geralmente a ingestão é acidental. Entretanto é freqüente a ingestão deste tipo de droga em caso de roubo da residência, cujos cães de guarda muitas vezes são dopados.

Sintomas produzidos por Sedativos, Anti-depressivos e Ansiolíticos:  

Desânimo, atordoamento, batimentos cardíacos acelerados, sono profundo e mais gravemente até coma.

Em caso de envenenamento com sedativos, anti-depressivos e ansiolíticos faça o seguinte: 

– Provoque o vomito se o animal estiver consciente.

– Mantenha o animal aquecido

– Procure um veterinário urgentemente.

Existem muitas formas do animal se intoxicar, particularmente os animais jovens que são muito curiosos e, como as crianças, procuram o que fazer mexendo e brincando com tudo o que encontram. 

Como normas gerais para se evitar envenenamentos ou intoxicações aconselha-se o seguinte:

– Mantenha todos os produtos químicos, medicamentos, adubos (químicos ou orgânicos) fora do alcance do animal, em armários ou locais inacessíveis.

– Não delegue para outras pessoas serviços que exijam uma atenção especial com relação a cuidados mais rigorosos, como por exemplo: uso de inseticidas, herbicidas, raticidas, adubação, etc.

– Tenha o cuidado de usar os pulicidas, carrapaticidas exatamente como indicado na embalagem.

– Tenha muito cuidado com medicamentos mais perigosos, mesmo os de uso humano, tanto ao descartá-los, quanto com relação a mantê-los na própria embalagem, procure deixá-los corretamente rotulados.

Deixe uma resposta

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese