Ferimentos

0 Comments

Ferimentos com lesão da pele provocando uma solução de continuidade com o meio externo geralmente infeccionam e necessitam de tratamento à base de antibióticos e antinflamatórios.

Os ferimentos profundos devem ser tratados sempre como potencialmente fatais. Os ferimentos superficiais (escoriações, contusões e lacerações) apresentam graus diferentes de gravidade, os quais somente um profissional pode saber. Na dúvida telefone ao seu veterinário de confiança.

Tipos de ferimentos e o que fazer em cada caso:

– Mordedura de animais:

Se o animal estiver em choque ou com perfuração do abdômen e órgãos internos expostos, evite que o animal se lamba e leve-o imediatamente ao veterinário.

– Ferimentos à bala:

Acalme o cão, contenha as hemorragias e vá ao veterinário mesmo que o animal pareça estar somente pouco ferido.

– Ferimentos causados por espinhos de ouriço:

– Se os espinhos de ouriço forem muitos ou mesmo o animal não deixa retirá-los, não insista, vá ao veterinário, pois os mesmos serão retirados mais facilmente mediante anestesia.

– Quando os espinhos são retirados por pessoas inexperientes, sem sedativos, eles quebram e parte dos espinhos ficam dentro do tecido do animal. Posteriormente a inflamação será maior, será mais difícil de remover os espinhos remanescentes, necessitando às vezes de pequenas cirurgias.

 

Cão anestesiado com vários espinhos de ouriço

Outro detalhe em que se visualiza os espinhos dentro da boca

– Ferimentos na boca:

Um animal saudável não deve salivar excessivamente. Ele alimenta-se e bebe água normalmente, não tem dor na boca, nem tosse e nem tem odor fétido.

– Procure se possível observar onde está ferido, se há hemorragia provocada por algum corte ou se há inflamação.

– De forma geral se há dor, dificuldade em engolir, muitas vezes fica difícil sem tranqüilização de se observar o que está ocorrendo. O melhor é procurar um veterinário, pois além de ser difícil o acesso pode haver acidentes de mordidas, caso o proprietário insista em examinar o animal muitas vezes com dor.

– Ferimentos no nariz:

Podem ter várias causas, o importante é se observar se há algum tipo de secreção nasal ou a presença de sangue, se está sendo eliminado de uma ou das duas narinas. Uma hemorragia é quase sempre o resultado de um trauma que pode ser grave ou potencialmente fatal, por exemplo, um atropelamento.

– Neste caso tente estancar a hemorragia com uma compressa fria.

– Não feche a boca do animal e nem incline a cabeça para trás, pois ele pode sufocar com o próprio sangue.

– Leve ao seu veterinário de confiança o mais rápido possível, ou pelo menos telefone e informe se o quadro é grave.

Deixe uma resposta

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese