Como cuidar de Porquinho da Índia

Independente da raça de seu Porquinho da Índia, se é de pelo longo ou de pelo curto, todos merecem cuidados e atenção especial.

Em primeiro lugar, deve-se dar bastante atenção à alimentação desses bichinhos. Animais que não estejam bem nutridos, assim como acontece com nós humanos, ficam muito mais suscetíveis à doenças. Ao contrário do que acontece com cães e gatos, dificilmente será possível uma alimentação equilibrada e completa para Porquinhos da Índia apenas com ração. Portanto, fique atento! Porquinhos da Índia são animais totalmente herbívoros e devem receber diariamente muita folhagem. Acrescente feno, capim verde, alfafa, cenoura, verduras em geral no seu dia a dia para que não sofram de carência de vitamina C, o que é muito comum. A falta da vitamina C no organismo desses animaizinhos acarretará em diversos problemas de saúde como hemorragias, diarreias e os dentes podem começar a cair.

Vamos lembrar das dicas que sempre escutamos das nutricionistas: cada cor nos alimentos geralmente referem-se a um tipo de vitamina. Variar cores, diversificar cores é deixar a alimentação rica em diversos nutrientes. Não esqueça de deixar também água fresca sempre à vontade.

O tempo de vida deste animal é muito relativo ao ambiente e cuidados que ele passa. Pode chegar a viver até 7 anos, mas geralmente vive de 3 a 4 anos.

O espaço mínimo para 1 Porquinho da Índia é uma gaiola de 60X40 cm. Veja bem, mínimo!

É aconselhável aplicar 1 gotinha a cada seis meses de Ivomec ( Ivermectina) na orelha para eliminar possíveis ectoparasitas e endoparasitas.

Quanto aos banhos, animais de pelos longos necessitam de banhos com maior frequência mas  vez por mês é o suficiente. Pode ser usado shampoo para cães/gatos filhotes e água morna. Ao finalizar o banho, secar bem com a toalha e se necessário, dependendo do clima da sua região e tamanho de pelo do animal, secar bem no secador, evitando deixar úmido pois a umidade é um belo convite a fungos.

As unhas podem ser cortadas a cada dois meses ou conforme verificar a necessidade, porém, sem exagero, é apenas aparar.

Ao adquirir mais do que um Porquinho da Índia é aconselhável ficar atento ao sexo dos animais. Se você deixar um casal junto, é bem provável que a cada 70 dias tenha uma nova cria. Isso não é bacana pois afetará a saúde da fêmea que ficará muito debilitada. Logo após o parto ela já começa a ovular novamente, por isso, o ideal é que sejam mantidos sempre dois do mesmo sexo. Dois machos ou duas fêmeas, se forem acostumados desde novinhos, terão excelente convivência.

O Porquinho da Índia possui 20 dentes e é necessário atenção com eles pois a alimentação errada pode gerar um problema.

Seus dentes estão sempre em constante crescimento, nunca irão parar de crescer, sendo necessário desgaste. Está aí um bom motivo para a percepção que somente ração não basta.

A ração, por ser um concentrado alimentar, fará com o que o animal coma menos e o desgaste no seu dentinho será menor, quebrando o equilíbrio entre desgaste e crescimento dentário.

O dentinho crescendo demais poderá gerar dor, desconforto, dificuldade para alimenta-se e inúmeros outros problemas de saúde. Por isso, ofereça o mínimo de ração e muita folhagem. Duas a três colheres de sobremesa de ração por dia é o suficiente.

Deixe uma resposta